28° C

Secretaria de
Defesa Social

Notícias

Ação conjunta da SDS realiza Operação Linhas Cruzadas

Geral

"Esta ação faz parte da estratégia adotada pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Defesa Social para reprimir de forma qualificada a violência".

A Secretaria de Defesa Social iniciou na madrugada de hoje (22), a operação denominada LINHAS CRUZADAS. A ação tem o objetivo de cumprir 16 mandados de prisão e 16 de busca e apreensão, na capital e no interior do Estado.

O objetivo da operação é desarticular as quadrilhas e prender os policiais que estão dando suporte às ações do grupo. Os presos estão sendo acusados de realizar roubos de cargas, assaltos a estabelecimentos comerciais, extorsão, formação de quadrilha, dentre outros crimes.

A operação conjunta integra 180 policiais entre civis e militares, da Gerência de Polícia Especializada - GPE, da Delegacia de Roubos de Cargas, do Grupo de Operações Especiais - GOE, da Inteligência da SDS e da Polícia Civil, além da Companhia Independente de Operações Especiais da PM - CIOE.

De acordo com o Gestor da Gerência de Polícia Especializada - GPE - delegado Oswaldo Moraes, coordenador da Operação, os policiais da inteligência da Secretaria de Defesa Social e da Polícia Civil vinham investigando a quadrilha há três meses. "Já se encontram presos na sede do Grupo de Operações Especiais 15 acusados, dentre eles: 5 Policiais Civis e 3 Policiais Militares, sendo um da reserva", adiantou Oswaldo Moraes.

Serviços: INFORMAÇÕES PRELIMINARES: Logo mais, às 9h de hoje (22), na sede do Grupo de Operações Especiais, o delegado Oswaldo Moraes fornecerá as primeiras informações à Imprensa.

COLETIVA - Às 15h de hoje (22), no auditório da SDS, será concedida uma coletiva para a Imprensa com o resultado final da Operação Linhas Cruzadas.